O voto antecipado dos eleitores recenseados na Região Autónoma da Madeira, mas deslocados no estrangeiro, decorrerá no período compreendido entre os dias 10 e 12 de setembro, nos Postos consulares portugueses.

 De acordo com a Lei Eleitoral para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, podem votar antecipadamente para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira os seguintes eleitores recenseados na Região quando deslocados no estrangeiro:

  • a) militares, agentes militarizados e civis integrados em operações de manutenção de paz, cooperação técnico-militar ou equiparadas;
  • b) médicos, enfermeiros e outros cidadãos integrados em missões humanitárias, como tal reconhecidas pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros;
  • c) investigadores e bolseiros em instituições universitárias ou equiparadas, como tal reconhecidas pelo ministério competente;
  • d) estudantes de escolas superiores, ao abrigo de programas de intercâmbio.
  • Podem ainda votar antecipadamente os cidadãos eleitores cônjuges ou equiparados, parentes ou afins que vivam com os eleitores mencionados nos números anteriores e que também se encontrem recenseados na Região Autónoma da Madeira.

Informação adicional está disponibilizada no site da CNE em: http://www.cne.pt/content/eleicao-para-assembleia-legislativa-da-regiao-autonoma-da-madeira-2019

e SGMAI-AE em: https://www.sg.mai.gov.pt/AdministracaoEleitoral/EleicoesReferendos/Regionais/Paginas/default.aspx?FirstOpen=1

 

  • Partilhe