Última atualização: 2019-01-04

Nota Importante

As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos, e são suscetíveis de alteração, a qualquer momento. Nem o Estado Português, nem as representações diplomáticas e consulares, poderão ser responsabilizados pelos danos ou prejuízos em pessoas e/ou bens daí advenientes.

Avisos

1. De acordo com informação meteorológica, o tufão Pabuk chegou a Pak Phanang, Nakhon Si Thammarat, apresentando ventos máximos sustentados de 75 km/h.

As áreas passíveis de serem afetadas nos próximos dias são as seguintes:

4 de janeiro: Chuvas torrenciais e ventos fortes em grande parte das províncias: Prachuap Khiri Khan, Chumphon, Surat Thani, Nakhon Si Thammarart, Phatthalung, Songkhla, Pattani, Yalá, Narathiwat, Ranong, Phangnga, Phuket, Krabi, Trang e Satun.

5 de janeiro: Chuvas torrenciais e ventos fortes em grande parte das províncias: Phetchaburi, Prachuap Khiri Khan, Chumphon, Surat Thani, Nakhon Si Thammarart, Phatthalung, Ranong, Phangnga, Phuket, Krabi, Trang e Satun.

Os fortes ventos são previstos com ondas de até 3-5 metros de altura no Golfo e 2-3 metros de altura no mar de Andamão.Todos os navios permanecem atracados até pelo menos o dia 5 de janeiro de 2019. Recomenda-se atenção às ondas costeiras.

2. De acordo com informação meterológica, o tufão Pabuk deverá atingir o Golfo da Tailândia , dia 4, ou sábado de manhã, prevendo-se ocorrência de chuvas e ventos fortes no território tailandês, especialmente nas zonas costeiras e Ilhas no sul do país. Phuket e Ilhas nas proximidades  parecem ser agora a regiões que mais poderão ser afetadas mas situação poderá mudar com alteração da direção dos ventos.
Aos portugueses que se encontrem naquelas zonas da Tailândia recomenda-se muita atenção de modo a evitarem expor-se a situações de risco. O abandono das areas de risco deverá ser ponderado e decidido pelos próprios.
Lembra-se que seja qual for a situação, todos deverão seguir as indicações das competentes autoridades tailandesas.
A Embaixada de Portugal em Banguecoque está a acompanhar esta situação em cooperação com as autoridades tailandesas e as Embaixadas da União Europeia na Tailândia e, caso se torne necessário, tomará as medidas adequadas em coordenação com as entidades referidas.

3. São desaconselhadas todas as deslocações não essenciais às províncias de Songkla, Pattani, Yala e Narathiwat.

4. São igualmente desaconselhadas todas as deslocações aos templos de Preah Vihear e Ta Krabey/Ta Moan localizados no Cambodja junto à fronteira com a Tailândia, dada a instabilidade e a presença de Forças Armadas nessa região.

5. Foram já registados casos de vírus Zika na Tailândia em 2016. Os viajantes devem tomar medidas de prevenção contra a picada de mosquitos, especialmente durante o dia. Se está grávida ou planeia uma gravidez e pretende viajar para a Tailândia, deverá previamente consultar um médico para obter informações sobre as possíveis implicações das infeções causadas pelo vírus Zika e respectivas recomendações médicas.

Número da Embaixada de Portugal em Banguecoque, tel: 00 66(0)22342123, funciona como número de emergência consular a qualquer hora do dia ou da noite.

Lista de Países