Última atualização: 2020-03-16
 
Nota importante
 
As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos, e são suscetíveis de alteração a qualquer momento. Nem o Estado Português, nem as representações diplomáticas e consulares, poderão ser responsabilizadas pelos danos ou prejuízos em pessoas e/ou bens daí advenientes.
 
Aviso

 

(16.03.2020) A Embaixada de Portugal em Lima informa que os seus serviços de atendimento presencial estarão suspensos enquanto vigorar o Estado de Emergência Nacional decretado no dia 15 de março 2020 pelo Presidente da República do Peru. Este Estado de Emergência estipula, entre outras medidas, um regime de quarentena obrigatório e o encerramento de todas as fronteiras aéreas, marítimas e terrestres do país. O sistema de transportes inter-regional também estará suspenso e todos os voos provenientes ou com destino à Europa foram cancelados até ao próximo dia 16 de abril.
A Embaixada de Portugal assegura aos turistas portugueses presentes no país que está a envidar todos os esforços, em coordenação com as Embaixadas dos demais países da União Europeia, as companhias aéreas e as autoridades peruanas, com vista a  encontrar um mecanismo que permita a repatriação, logo que possível, de todos os turistas.

A Embaixada de Portugal em Lima informa ainda os nossos compatriotas que se encontra em funcionamento a linha telefónica +351-217929755 e o endereço eletrónico covid19@mne.pt para atender situações de maior emergência, a funcionar das 9h00 às 17h00 (hora de Lisboa). Também se encontra ativado o Gabinete de Emergência Consular (GEC) em Lisboa: telefones nº +351-217929714 e +351-961706472  e endereço eletrónico gec@mne.pt

A Embaixada de Portugal aconselha todos os nacionais a manterem-se seguros, atentos e informados sobre novos desenvolvimentosCoronovírus - Covid 19 (Atualizado a 13-02-2020)

Foi decretada a suspensão de voos no Peru com origem e destino na Europa a partir de dia 16 de março por um período de 30 dias.

https://www.lima.embaixadaportugal.mne.pt/pt/a-embaixada/noticias/suspens%C3%A3o-de-voos-de-e-para-europa-e-asia

 

Outro

1. Em consequência da presença de elementos da organização terrorista Sendero Luminoso, na maior parte das vezes associados ao narcotráfico, desaconselham-se deslocações nos vales dos rios Ene e Apurimac, na Serra Central e no vale do rio Huallega, no vale do rio Putumayo junto à fronteira com a Colômbia e na Serra Norte, nas seguintes áreas:
- Distrito de Cholon, da Província de Marañon, do departamento de Huánaco;
- Distrito de Monzon, da província de Humalies, do departamento de Huánuco;
- Toda a provincia de Leoncio Prado, do departamento de Huánaco;
- Toda a província de Tocache, do departamento de San Martin;
- Toda a província de Padre Abad, do departamento de Ucayali.
 
2. Um pouco por todo o Peru podem ocorrer situações de conflitualidade social, como manifestações, paralisações, bloqueios de estrada e greves, que por vezes degeneram em episódios violentos. As regiões mais afetadas nos últimos anos por este tipo de ocorrências são as áreas mineiras da cordilheira andina e a zona fronteiriça com a Bolívia. Dado o caráter imprevisto dos movimentos sociais e de quais as áreas que podem ser afetadas, recomenda-se aos viajantes que procurem manter-se informados sobre as condições de segurança.
 
 
 
  • Partilhe