Portal das Comunidades Portuguesas

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Malawi

 

Última actualização: 2015-02-14

Nota Importante

As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos, e são susceptíveis de alteração a qualquer momento. Nem o Estado Português, nem as representações diplomáticas e consulares, poderão ser responsabilizadas pelos danos ou prejuízos em pessoas e/ou bens daí advenientes.

AVISO

Em tempos um dos países africanos mais seguros para os viajantes, o Malaui é actualmente um país onde incidentes violentos como assaltos e roubos têm vindo a aumentar exponencialmente, sendo necessária prudência e vigilância por parte dos turistas, alvo preferencial dos criminosos. Nos últimos dias ocorreram manifestações populares por todo o país, que resultaram em violentos confrontos com as forças de segurança.

Informação geral

Clima

Clima subtropical. Estação das chuvas: Novembro e Abril, com elevado grau de humidade no ar e a estação seca decorre entre Maio e Outubro. A melhor altura para visitar o país é de Maio a Outubro durante a estação seca, sendo os meses de Outubro e Novembro melhores para a observação de vida selvagem, não obstante as altas temperaturas que se registam nesse período.

Línguas

Inglês e chichewa.

Moeda local / Sistema Bancário

Moeda local: kwacha. É possível levantar dinheiro em caixas multibanco nas principais cidades, sendo, no entanto, aconselhável que o viajante venha munido de papel-moeda. Alguns hotéis aceitam pagamentos em dólares americanos.

Regime de entrada e estada

Não é necessário visto para cidadãos da UE.  

Condições de segurança

Muito Instáveis. No dia 20 de Julho, manifestações em várias das principais cidades do país, incluindo a capital, Lilongwe, resultaram em confrontos violentos entre a polícia e a população. Foi confirmado um morto, bem como a pilhagem de estabelecimentos comerciais e o incêndio de veículos do governo. Destacamento do exército nas ruas de Lilongwe permitiu fim dos confrontos e regularização da situação.

Tendo em conta volatibilidade da situação, aconselham-se os cidadãos portugueses a evitar zonas limítrofes a edifícios governamentais e a ter prudência em quaisquer deslocações necessárias. Dever-se-á igualmente evitar grandes concentrações de pessoas.

A possibilidade de ocorrência de assaltos à mão armada, aconselha a que se mantenha particularmente vigilante.

Deve evitar circular sozinho sobretudo à noite, em particular na capital, na rua Malangalanga e zona limítrofes, bem como na Área 3 do centro de Lilongwe. A ponte entre Área 2 e 3 é um local particularmente perigoso.

Desconfie das propostas de indivíduos que se ofereçam como guias.

Evite andar com grandes somas de dinheiro e com objectos de valor.

Sempre que possível, será aconselhável apanhar um taxi para quaiquer deslocações. Os roubos de veículos, especialmente 4x4, são frequentes.

Transportes

Aeroporto Internacional: Lilongwe e Blantyre.

Há autocarros que ligam as principais cidades, podendo igualmente deslocar-se em veículo próprio, sendo as vias de comunicação bastante razoáveis e as distâncias curtas para os padrões africanos.

Cuidados de Saúde

Rede Sanitária: Deficiente.

Recomenda-se a tomada de medidas preventivas contra a malária, cólera, febre-amarela, meningite, tuberculose. Caso viaje para o Lago Niassa, recomenda-se especial precaução dada a possibilidade de contrair Bilharzia (schistosomiasis), uma doença típica de águas paradas aparentemente frescas e límpidas, disseminada por um parasita que penetra na pele.

Consulte o seu médico antes de viajar.

Seguros: É recomendável a subscrição de uma apólice de seguro de viagem com cobertura neste território e que inclua a possibilidade de evacuação sanitária.

Comunicações

Deficientes. Foram introduzidos recentemente serviços de Internet de banda-larga dispondo os principais hotéis dos mesmos.

Informações úteis

Contactos úteis

Indicativo do país.............................................+265
Consulado Honorário em Lilongwe.....................+265 177 65 20
Embaixada de Portugal (Harare)........................+263 4 253 218
Polícia............................................................ +01 753 333
Urgências........................................................+998
Medical Aid Rescue Service..............................+01 - 795 018 / 794 967

Representação Diplomática

Existe um Consulado Honorário em Lilongwe, sendo as questões relativas àquele país acompanhadas pela Embaixada de Portugal em Harare (endereços de correio electrónico: luisa.viegas@portconsul.mw; mail@harare.dgaccp.pt;

Endereços das representações consulares portuguesas (postos e secções consulares) no estrangeiro: http://www.portaldascomunidades.mne.pt/

Endereços das representações estrangeiras (diplomáticas e consulares) em Portugal:
- http://www.min-nestrangeiros.pt/mne/missoes/

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail