Portal das Comunidades Portuguesas

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Antigua e Barbuda

 

Última actualização:2015-02-15

 

Nota importante:

As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos, e são susceptíveis de alteração a qualquer momento. Nem o Estado Português, nem as representações diplomáticas e consulares, poderão ser responsabilizadas pelos danos ou prejuízos em pessoas e/ou bens daí advenientes.

Informação Geral

Antigua e Barbuda é um país localizado na região oriental do Mar das Caraíbas e é constituído pelas ilhas de Antígua, barbuda e Redonda (pequena ilha desabitada). O país ocupa uma área de aproximadamente 442 km2 e conta com uma população estimada em cerca de 89000 habitantes. A capital é Saint John's na ilha de Antigua.

Antigua e Barbuda é uma monarquia constitucional, com sistema de governo parlamentar, integrada no Commonwealth. A Chefe de estado é a Rainha Isabel II, representada localmente por um Governador-geral e o Chefe do Governo é o Primeiro-ministro resultante das eleições legislativas, realizadas cada cinco anos. A economia de Antigua e barbudo depende principalmente do turismo.

Clima

Antigua e Barbuda apresenta um clima quente quase todo o ano, com temperaturas que oscilam entre 24º e 30º C durante o dia, podendo descer até 20º C à noite. Os meses mais quentes tendem a ser Julho e Agosto, sendo Janeiro e Fevereiro mais frescos. O período seco ocorre normalmente entre Fevereiro e Abril, registando-se maior ocorrência de chuvas nos meses de Outubro, Novembro e Dezembro. O período de Junho a Novembro é geralmente considerado como a temporada de risco de furacões.

Língua

A língua oficial é o inglês, sendo utilizados igualmente alguns dialectos locais.

Moeda local / sistema bancário

Moeda local – Dólar das Caraíbas Orientais (XCD). Os dólares americanos e os "traveller's cheques" podem ser utilizados em vários estabelecimentos. Os principais cartões de crédito internacionais são igualmente aceites.

 

Regime de entrada e estada

O passaporte deve ter uma validade mínima de seis meses a contar da data de entrada no país. No momento de entrada, os viajantes deverão dispor de um bilhete de saída do país, assim como confirmação de alojamento e meios de subsistência durante a sua estada.

Regime de vistos

Os portadores de passaporte português não necessitam de visto, desde que o período de estada não exceda os 6 meses.

 

Condições de segurança

Apesar de se ter registado algum, aumento da criminalidade nos últimos anos, Antigua e barbuda é considerado um país relativamente seguro para os viajantes. De qualquer modo, recomenda-se que os viajantes se mantenham alerta e adoptem as seguintes medidas preventivas:

- evitar áreas isoladas, incluindo praias, depois de anoitecer;

- evitar caminhar sozinho à noite;

- não transportar grandes quantias de dinheiro nem exibir jóias ou outros objectos de valor;

- manter uma postura discreta na utilização de caixas automáticas, evitando fazê-lo em áreas pouco iluminadas ou isoladas;

- guardar os objectos de valor e documentos de viagem em cofres, sempre que possível;

- não deixar objectos de valor visíveis dentro de viaturas alugadas;

- manter as portas do quarto de hotel sempre trancadas;

- utilizar apenas táxis devidamente registados e identificados;

- adoptar um comportamento responsável, respeitando leis e costumes locais;

- transporte consigo uma cópia do passaporte;

- no caso de ser confrontado com uma tentativa de roubo, não oferecer resistência.

 

 

Outras informações importantes

A posse ou consumo de droga são severamente punidos por lei. Assim, recomenda-se:

- nunca aceitar pedidos de transporte de bagagem de porão ou de mão, pertencente a terceiros;

- no check-in verificar se a bagagem despachada é sua propriedade;

- à chegada ao destino verificar se a bagagem foi manuseada e/ou tem sinais de abertura forçada;

- não aceitar pedidos de transporte de dinheiro.

Os viajantes devem respeitar os costumes locais. O vestuário poderá ser informal, mas mantendo algum conservadorismo. O vestuário de praia não é adequado para a cidade, restaurantes e lojas. Alguns hotéis e restaurantes podem exigir traje formal à noite. É proibido o uso e a importação de roupas de camuflagem.

A gratificação habitual em restaurantes e hotéis é de 10 a 15%, devendo verificar se a mesma já vem incluída na conta.

Números úteis:

Polícia: +268 462 01 25

Emergência: 999 / 911

 

Transportes

Viajar de avião

O aeroporto principal é o V. C. Bird International Airport, na ilha de Antigua. Barbuda tem um aeroporto mais pequeno, o Codrington Airport.

Não há serviços regulares entre as duas ilhas.

Viajar de carro

Não existe uma rede de transportes públicos, mas em Antigua há um sistema privado de pequenos autocarros. Os táxis t~em tarifas regulamentadas, recomendando-se apenas a utilização de veículos devidamente registados e identificados.

Antigua dispõe igualmente de várias agências de aluguer de automóveis, sendo necessário apresentar uma carta de condução válida do país de origem ou internacional e adquirir uma licença local temporária para conduzir (custo aproximado de 20 dólares americanos).

A condução é feita pelo lado esquerdo e algumas estradas encontram-se em más condições, pelo que se recomenda precaução aos condutores.

Viajar de barco

Antigua tem um porto acessível a navios de cruzeiro.

A empresa "Barbuda Express" oferecer transporte de barco entre Saint John's e barbuda, com uma duração de cerca de 90 minutos.

 

 

 

 

Alojamento

Em Antigua e Barbuda predominam os complexos turísticos (tipo "resort") de categoria superior ou de luxo, sendo no entanto possível encontrar alguns alojamentos modestos a um custo mais moderado.

 

Cuidados de saúde

Não são exigidas vacinas á entrada do país, excepto se o viajante proceder de alguma área de risco de doenças endémicas.

Os principais serviços médicos estão localizados na ilha de Antigua, onde existem um hospital público principal, centros médicos, clínicas privadas e pequenos postos de atendimento.

Em Barbuda há alguns serviços médicos, mas os casos mais graves são transferidos para Antígua.

Recomenda-se a contratação de um seguro de viagem que inclua a possibilidade de evacuação para outro país. Note-se que não existem câmaras hiperbáricas em Antigua e barbuda, pelo que os mergulhadores que sofram de problemas de descompressão terão de ser evacuados para os países mais próximos.

Aconselha-se ainda o consumo de água engarrafada, a utilização de produtos repelentes contra mosquitos e forte protecção solar.

Endereços dos principais Hospitais e Clínicas:

O centro médico "Mount Saint John's Medical Centre" conta com 200 quartos e constitui uma das mais modernas instalações da ilha de Antigua.

- Holberton Hospital: Queen Elizabeth Highway, St. John's, Antigua – Tel. +268 4620251/2/3/4/6/7

- Mount St. John's Medical Centre: Michael's Mount, St. John's, Antigua – Tel. +268 4842700;

- hanna Thomas Hospital: River Road, Barbuda – Tel. +268 4600076

 

Telecomunicações

O código do país é o 268, devendo ser antecedido do código de acesso internacional (00 ou +). Para chamadas internas nas ilhas, basta marcar os números locais de sete dígitos. É possível adquirir cartões telefónicos. Os telemóveis locais utilizam o sistema GSM.

 

 

Informações úteis

Não existe representação diplomática portuguesa no Antigua e Barbuda, sendo os assuntos deste país acompanhados pela Embaixada de Portugal em Caracas. As matérias consulares são da competência do Consulado Geral de Portugal em Caracas. Endereços das representações consulares portuguesas (postos e secções consulares) no estrangeiro: http://www.portaldascomunidades.mne.pt

Há no entanto um Consulado Honorário em St. John's, sito em Friar's Hill Road, P.O.Box 13, St.John's – Antigua – Tel. +2684803200 / 461 3122; Fax. +2684803215

Email: anthony@antiguadistillery.com

Endereços das representações estrangeiras (diplomáticas e consulares) em Portugal:
http://www.mne.gov.pt/mne/pt/ministerio/CorpoDiplomatico/

 

 

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail